DVD gay grátis
AlexAndre00-295×235

Pai mata filho de oito anos por não querer que ele fosse gay

AlexAndre00-295x235

Mais um caso de violência contra LGBTs. Dessa vez, a vítima é um menino de oito anos de idade, morador da favela Vila Kennedy, em Bangú, zona oeste do Rio. Segundo o delegado Rui Barboza, titular da 34ª DP, o pai do menor, Alex André Moraes Soeiro, de 34 anos, é o mentor do crime. O motivo? Ele não queria que o filho fosse gay.

“Ele afirmou que o garoto era muito levado e desobediente. O crime foi cruel e cometido de forma covarde”, contou o delegado à imprensa. Ele ainda acrescentou que Alex espancava o menino para “ensiná-lo a virar homem”. Tudo isso porque, segundo o pai, a criança gostava de dança do ventre, vestia as roupas das irmãs e lavava a louça.

Segundo os agentes da polícia, o criminoso aplicou a surra na manhã de segunda-feira (17/02), antes de ir para a escola. O menino não queria cortar o cabelo, uma provável característica de sua identificação de gênero. Foi então que André aplicou os golpes, que provocaram hemorragias internas e levaram à morte do seu filho.

A vítima era recém-chegada do Rio Grande do Norte, ond morava com a mãe. Tinha vindo para a capital fluminense para se dedicar aos estudos, garantir uma melhor qualidade de vida e um futuro melhor. A Justiça decretou mandado de prisão temporária de 30 dias por homicídio qualificado contra o suspeito, que foi transferido ontem para o Complexo de Gericinó, também na Zona Oeste do Rio. Como pode existir alguém tão cruel assim?

Fonte: Pheeno

Já viu?



11 comentários

Comente
  1. LAURO

    ESSE CARA É UM BABACA,TEM QUE APRENDER QUE A VIDA NÃO É SO DA FORMA QUE ELE PENSA OU DESEJA SEJA. TEM QUE LEVAR BASTANTE PORRADA NA CADEIA PRA APRENDER A RESPEITAR O PRÓXIMO O QUE EU ACHO BEM DIFÍCIL, NÃO RESPEITOU A ORIENTAÇÃO SEXUAL DO PROPRIO FILHO DE 8 ANOS IMAGINE SE ELE VAI RESPEITAR ALGO NA CADEIA.
    MUITO TRISTE ISSO AINDA ACONTECER DENTRO DA PROPRIA RAIZ FAMILIAR.

  2. JC

    Ninguém nasce com sexualidade formada, como ninguém nasce com personalidade formada. Já a sexualidade flui naturalmente e não adianta é algo interno, diferente da personalidade que é interno e externo. 8 anos, o garoto é apenas uma criança, nem tem noção do que é sexo e tem garotos que se atraem por coisas femininas e nem por isso serão homossexuais no futuro e vice versa. Fico chocado com tamanha ignorância, pq esse crime é fruto de machismo e homofobia. Como o comentário sobre a ciência implatar na cabeça que as pessoas nascem gays. u.u

  3. Carlos

    Que coisa mais horrível!!

    O cara espanca e mata o PRÓPRIO FILHO porque ele ACHAVA que o menino era gay e agora a culpa é da ciência??

    PQP é cada sem noção que aparece!!

    Tudo isso porque o cara queria que o menino “virasse homem”,quer motivo mais estapafúrdio e abstrato para se cometer um crime?!

    Lastimável e triste o que aconteceu,independentemente do menino ser gay ou não.
    Que a justiça seja feita!

  4. Ariel

    Nenhum crime é aceitável, mais estão citando evangélicos, não entendi o porquê? O que eles tem com isso? Até onde eu tenho conhecimento, sei que eles não são a favor de violência… Fiquem atentos galera, nem todos que se dizem evangélicos, realmente são! Conheço vários que não concordam com a homossexualidade, mais respeitam e amam os que assim vivem! Não confundam as coisas! E ele pode estar endemoniado sim, vai saber??? Só sei que isso foi horrível. Triste.

    • Marcos

      Gostei da sua forma de pensar, Ariel. Infelizmente a comunidade LGBT não aprendeu o quanto preconceito é ruim. Deus ou qualquer religião não podem ser acusados de um crime dos homens.


Comente! Faz muita diferença para nós